Posts com tag “poderes satânicos

Hitler, protótipo do anticristo

Quando assisti pela primeira vez ao vídeo acima, foi inevitável a comparação deste personagem histórico, Adolf Hitler, com um outro personagem de uma outra história ainda a se realizar. Tal personagem, por enquanto, ainda está restrito ao relato das escrituras bíblicas, especialmente a literatura apocalíptica, e aguarda o momento oportuno pra sair dos relatos e saltar para o palco da história humana. Além dos relatos bíblicos, ainda é possível encontrá-lo em escritos de cunho esotérico, próprio dos círculos ocultistas, apesar de ali, o mesmo ser apresentado numa leitura diferente de acordo com as expectativas peculiares daqueles conciliábulos. Mas afinal de contas, em que aspecto é possível fazer a correspondência entre ambos os personagens? A resposta a esta pergunta, quem nos dá é a bíblia sagrada, considerando os relatos que descortinam todo o processo de ascensão e queda do Anticristo no cenário mundial, de acordo com o esquema profético dantes anunciado. Mas antes, é necessário enfatizar o que fora exposto pelo vídeo acima.

Hitler foi um verdadeiro fenômeno dentro da Alemanha, antes mesmo de assumir o papel que lhe coube na história, como o conhecemos. Este homem surge do anonimato e, numa escalada surpreendente, consegue conquistar o coração de toda a Alemanha. Não fosse o fato de ele ter conduzido seus esforços, no insano objetivo de extermínio dos judeus- o problema judaico- e de dominar o mundo, apoiado na crença da superioridade ariana, a Alemanha estaria hoje, numa posição ainda maior do que ela ocupa atualmente entre as maiores potências do mundo. Hitler pegou uma Alemanha quebrada, falida no pós-guerra, com uma inflação astronômica e sem qualquer perspectiva de melhora, com a alto-estima nacional em baixa e conseguiu em curto espaço de tempo reverter todo este quadro. O impacto disto na consciência do povo alemão foi tal, que Hitler conseguiu se firmar no poder e conduzir seu macabro plano acima citado. As massas ficavam como que extasiadas diante dos inflamados discursos de Hitler, não importando o quão nocivo eles revelavam ser, e isto ocorreu, não obstante, a Alemanha ser uma nação de nível cultural dos mais excelentes, berço de grandes vultos que se destacaram na história da filosofia, teologia, nas artes, etc.

A princípio somos levados a achar que tamanho sucesso de Hitler entre os alemães se deva ao somatório das medidas político-administrativas por ele adotadas, aliada ao carisma nacional alcançado, mediante o despontamento dele como figura messiânica, numa utopia – manifesta á força de uma retórica poderosa – de levar a nação a um tempo de glória imemorial. Em parte isto está correto, contudo, isto não é o todo da questão. Na verdade, há uma meta-história por detrás da história que o mundo conhece. E é justamente nesta meta-história que reside a chave para compreendermos quem de fato foi este enigmático personagem chamado Adolf Hitler e quem será o mais enigmático ainda, Anticristo, a besta que surge do abismo. ( Cf Apoc 13:1-2)

Muita gente ficaria chocada e surpreza se soubesse que Hitler foi um produto cunhado na obscuridade de uma sociedade ocultista. A sociedade secreta a que pertencia Hitler se denominava Grupo de Thule [ou Sociedade de Thule], a qual tinha como líder Dietrich Eckart, que foi o mentor espiritual de Hitler tendo-o iniciado e forjado para ser conforme as aspirações daquela ordem ocultista. Já no leito de morte Eckart se vangloriava: Sigam Hitler! Ele dançará, mas fui eu que iniciei a música.! Eu o iniciei na ‘Doutrina Secreta’, abri seus centros de visão e lhe dei os meios de comunicar-se com os Poderes…” ( extraído do livro The Spear of Destiny: The Occult Power Behind The Spear Which Pierced The Side of Christ , pg 91, por Trevor Ravencroft).

Nas primeiras décadas do século passado, existia no seio de algumas sociedades ocultistas na Alemanha, a expectativa do surgimento de um “iluminado”, alguém que viria para cumprir uma grande obra. Eis  que surge Adolf Hitler, o qual sinalizou para todos os ocultistas, praticantes dos vários segmentos de magia, que era aquele a quem aguardavam e, fez isto, adotando a suástica, um antiquíssimo símbolo ocultista, o qual não apenas adotou como também o inverteu, num sinal claro para todos os ocultistas, de que á partir dali, estava ele fazendo opção pelo caminho negro que, conforme cria, lhe asseguraria o sucesso almejado.

Sob a tutela de Eckart, Hitler se submeteu a uma série de práticas ocultistas que envolviam, desde perversão sexual num contexto ritualístico, até experiências mediúnicas e incorporação demoníaca. Há vários relatos da vida pessoal de Hitler, que citam certos comportamentos do mesmo, que estão em estrita relação com o que acabamos de citar. A experiência pela qual passou Hitler foi fundamental para cunhar o tipo de pessoa que ele veio a se tornar, um ser implacável, obstinado, frio, sem compaixão, e ao mesmo tempo, capaz de conquistar a simpatia, a lealdade doentia e subserviência de toda uma nação. Este paradoxo em Hitler só foi possível mediante uma cobertura espiritual demoníaca agindo através dele

images1

Resumidamente, podemos afirmar que Hitler foi alguém que, se achando um predestinado, recorreu a métodos não convencionais, de caráter ocultista, para consolidar seus objetivos de conquista do poder na Alemanha e, a posteriori, em grande parte da Europa. Para isto aproveitou-se do momento oportuno – a crise nacional do pós-guerra – se projetando como figura messiânica típica destes momentos de crise.

Agora, após esta leitura desconhecida da vida de Hitler, estamos em condições de traçar um paralelo deste com aquele outro personagem que, em muitos aspectos, será uma continuidade do primeiro, com uma ressalva, a de que o sobrepujará em caráter maligno e em realizações.

PRÁTICAS OCULTISTAS E INFLUÊNCIA SATÂNICAS

Hitler envolveu-se com poderes satânicos para respaldar sua escalada de poder. De igual modo, o Anticristo estará totalmente envolvido com magia e práticas satânicas. (Daniel 8:23,24) –Mas, no fim do seu reinado, quando acabarem os prevaricadores, se levantará um rei, feroz de semblante, e será entendido em adivinhações; E se fortalecerá o seu poder, mas não pela sua própria força; e destruirá maravilhosamente, e prosperará, e fará o que lhe aprouver; e destruirá os poderosos e o povo santo.”

Hitler foi capacitado por Satanás para exercer o papel que lhe coube na história. O Anticristo receberá todo o poder de Satanás para agir em todo o mundo. (Apocalipse 13:2) – E a besta que vi era semelhante ao leopardo, e os seus pés como os de urso, e a sua boca como a de leão; e o dragão deu-lhe o seu poder, e o seu trono, e grande poderio.”

Hitler se valeu de um poderoso discurso que impactava e envolvia seus ouvintes. O Anticristo também se valerá de palavras persuasivas e enganadoras as quais serão ratificadas por sinais sobrenaturais que lhe será concedido realizar. (II Tessalonicenses 2:9-10) – A esse cuja vinda é segundo a eficácia de Satanás, com todo o poder, e sinais e prodígios de mentira; E com todo o engano da injustiça para os que perecem, porque não receberam o amor da verdade para se salvarem.”

Hitler exaltava a força como elemento único e justificável para o cumprimento da vontade no processo de superação dos obstáculos e confirmação de poder. O Anticristo servirá ao deus (diabo) das fortalezas (força) para a conquista de seus objetivos. (Daniel 11:38)  “ Mas em seu lugar honrará a um deus das forças; e a um deus a quem seus pais não conheceram honrará com ouro, e com prata, e com pedras preciosas, e com coisas agradáveis.

O ÓDIO CONTRA OS JUDEUS

Hitler nutria um ódio tal contra o povo judeu, que acabou por levá-lo a um programa de genocídio que culminou no extermínio de cerca de 06 milhões de judeus durante um período de 07 anos. O Anticristo, de igual forma, odiará a nação judaica e empreenderá uma perseguição implacável contra ela. (Mateus 24:15-21) – Quando, pois, virdes que a abominação da desolação, de que falou o profeta Daniel, está no lugar santo; quem lê, atenda; Então, os que estiverem na Judéia, fujam para os montes; E quem estiver sobre o telhado não desça a tirar alguma coisa de sua casa; E quem estiver no campo não volte atrás a buscar as suas vestes. Mas ai das grávidas e das que amamentarem naqueles dias! E orai para que a vossa fuga não aconteça no inverno nem no sábado; Porque haverá então grande aflição, como nunca houve desde o princípio do mundo até agora, nem tampouco há de haver.”

AMBIENTE HISTÓRICO SEMELHANTE

Hitler ascendeu ao poder num contexto de crise nacional e, por isto mesmo, foi aclamado como salvador da pátria. Semelhantemente, o Anticristo surgirá em meio a uma crise mundial sem precedentes na história e será recebido como o grande solucionador, o cumprimento das expectativas messiânicas dos povos.

O MESMO ESPÍRITO DE ARROGÂNCIA E AUTOEXALTAÇÃO

Hitler se engrandeceu acima de tudo e de todos. O Anticristo se exaltará de tal forma que se julgará deus merecedor de adoração por parte de todos. (II Tessalonicenses 2:4) –O qual se opõe, e se levanta contra tudo o que se chama Deus, ou se adora; de sorte que se assentará, como Deus, no templo de Deus, querendo parecer Deus.”

QUEBRA DE ALIANÇAS FIRMADAS

Hitler firmou alianças de não agressão com países como a Rússia, por exemplo, e logo após quebrou estas alianças e invadiu o território dos países dantes aliançados. O Anticristo fará uma aliança de 07 anos com a nação judaica e na metade do período quebrará tal aliança e empreenderá uma terrível perseguição contra o povo judeu. (Daniel 9:27) – E ele firmará aliança com muitos por uma semana ( 07 anos segundo a contagem profética das 70 semanas de anos); e na metade da semana fará cessar o sacrifício e a oblação; e sobre a asa das abominações virá o assolador, e isso até à consumação; e o que está determinado será derramado sobre o assolador.”

Há ainda outras correlações que poderiam ser citadas, mas, penso que estas são suficientes para mostrar, o quão perfeitamente Adolf Hitler poderia ser considerado, o protótipo do Anticristo. E, considerando  a natureza recorrente de certas condições históricas – paz e prosperidade, guerra e crise econômica –  somos levados a acreditar que, em termos econômicos, o tempo das vacas gordas passou  e o momento atual é de total indefinição quanto aos próximos meses, ou anos. A única certeza que temos é que a economia mundial está a beira de uma recessão. Tal contexto é terreno fértil para o surgimento de  figuras que se apresentam como salvadores da pátria, tanto pelas condições favoráveis a isto quanto pelo clamor mundial que se manifesta na busca por tal figura messiânica; neste aspecto, Hitler soube aproveitar  a oportunidade. Em suma, se a história se repetir, o que cremos acontecerá, segundo a palavra profética, então já podemos  ouvir os passos do cavaleiro no cavalo branco (Cf Apoc 6:2) vindo a galope e saltando para o palco do cenário mundial. Estejamos atentos!

 

 

Para uma leitura mais aprofundada sugiro os artigos abaixo, disponíveis no site “ A Espada do Espírito”.

O papel de Adolf Hitler na Nova Ordem Mundial

Adolf Hitler: tipo do Anticristo


ah40


Você está mentalmente e espiritualmente preparado para os dias difíceis que brevemente sobrevirão sobre toda a terra? Sente que há algo de errado com o mundo em que você vive? Há uma incomodação interior que aflige tua alma e não sabes o porquê ? Há uma resposta. Visite a Sala de Parto e, experimente o novo nascimento!!